Tendências 2020: SEO para E-commerce

Não é porque 2020 já chegou que as tendências para este ano acabaram. Por isso, nossa série continua. Desta vez, o tema é SEO para E-commerce, para isso, conversamos com Daniel Bender, do site SEO para E-commerce. Confira:

SEO é uma forma de marketing, com isso vale a pena rever todos os anos as tendências que devem dominar o cenário. Em 2020 há algumas coisas que todos devem prestar atenção para montar uma estratégia de SEO para E-commerce lucrativa e sustentável.

O ponto central desse artigo é que sempre teremos mudanças. E que planejar para as novidades deixarão seu negócio mais robusto e lucrativo. Mais importante que isso, prestar atenção às tendências vai deixar seu site imune à atualizações do Google.

Mais competição em 2020

Pois é. As buscas de alto volume continuam as mesmas, mas a competição aumentou. Ainda há apenas 10 posições orgânicas na 1ª página do Google e como se não bastasse a concorrência de outros sites, o próprio Google tem mostrado cada vez mais conteúdo rico e anúncios em formatos criativos.

Por um lado espere mais dificuldades no SEO para E-commerce em 2020, por outro as oportunidades estarão mais difusas, dando oportunidade para quem dominar estratégias avançadas de SEO, como o SEO indireto e super long tail.

Menos cliques no geral

Não é apenas a competição que diminui seus cliques orgânicos. Os resultados de pesquisa cada vez mais ricos geram menos cliques de forma geral.

Por outro lado as visitas estão a cada dia mais assertivas, com uma taxa de conversão maior. O Google Shopping ainda não é um marketplace. Quando isso ocorrer, certamente teremos queda vertiginosa nas vendas orgânicas.

A parte boa é que há oportunidades interessantes em disponibilizar o conteúdo de seu e-commerce em formatos ricos. Fazer uma boa otimização das imagens, por exemplo, ajuda a aparecer na busca por imagens.

E nada impede que uma página de produto esteja indicada na posição zero de uma determinada busca.

Aumento no SEO indireto

A popularização de marketplaces e redes sociais focadas em SEO (como Quora e Pinterest) aumentam ainda mais as possibilidades de gerar vendas através de SEO indireto. Não é algo fácil de se fazer, pois requer um certo conhecimento no site que você vai atuar. O SEO indireto funciona assim:

O cliente que deseja comprar uma peça de motor irá primeiro buscar no Google, verá apenas resultados do Mercado Livre, entrará no mercado livre e lá verá todas as opções. Dentre as opções, algumas terão e-commerce. E o comprador terá a opção de conhecer a loja do vendedor. Caso a loja seja profissional e tenha credibilidade, o comprador poderá escolher comprar no e-commerce ou no Mercado Livre.

SEO para Mercado Livre, SEO para Pinterest e SEO para Youtube são 3 temas que devem ser abordados mais adiante no Curso de SEO para E-commerce.

Conteúdo mais natural

Foi-se o tempo em que bastava repetir muitas vezes um termo para aparecer na busca. A tendência é de buscas com linguagem cada vez mais naturais, incluindo perguntas e respostas inclusive como dados estruturados.

Desde 2002 quase todas as atualizações de algoritmo do Google tem privilegiado resultados mais naturais, próximos da intenção do usuário. Quem trabalhar desde a ideia do negócio até sua execução pensando em SEO tem uma boa chance de ter sucesso em e-commerce.

Muitas buscas por voz

Comandos de voz e buscas por voz vão mudar muitas coisas nas buscas. No momento, há pouco impacto nas lojas virtuais, mas por ser uma atividade de uso crescente é vital se adaptar à esta realidade.

As buscas por voz vão mudar tudo. Será uma reedição aumentada da mudança causada pelo uso de smartphones. Para colocar em perspectiva, hoje 2/3 das navegações acontecem em dispositivos móveis. Há 10 anos essa proporção era ínfima.

Em dezembro 2018, no último dado disponível, 1/3 dos brasileiros fez alguma busca por voz. Em dezembro de 2019 certamente mais de metade dos brasileiros terão feito pelo menos 1 busca por voz.

E quase sempre a linguagem usada nas buscas é natural. Inclusive dizendo “por favor” e “obrigada” para o assistente de voz.

Gostou e quer saber mais sobre o assunto?
Contrate a Plin Digital:
Planejamento digital
Marketing de Conteúdo
Estratégia digital para o seu negócio
e-mail: mari@plindigital.com
www.plindigital.com
51 9 8225 0065

Confira os serviços que a PlinDigital oferece para seu negócio

consultor-de-marketing-digital
A PlinDigital é uma empresa especializada em Marketing Digital, tem como objetivo mostrar para o mercado para grandes, médias ou pequenas empresas que estar presente no ambiente digital é fundamental nos dias atuais.

Se fazer notório nesse ambiente não é uma tarefa simples, é necessário planejamento e disciplina para manter todo o conteúdo atualizado.
E nisso, a Plin é expert.

Pensando em tornar a experiência dos clientes com o ambiente digital a melhor possível, a Plin dispõe dos seguintes serviços:

adwords
Google Adwords;

 

marketingdigital
Gestão de Marketing Digital;

 

datamining
Data Mining;

 

bigdata
Big Data;

 

seo
SEO;

 

criacaodepecascanaisonline
Criação de peças para canais online;

 

newsletter
Newsletter e emails marketing;

 

blog
Criação/produção de Blog;

 

apps
Criação e manutenção de APP para iOS e Android;

 

site
Criação de Sites;

 

planejamentodigital
Planejamento Digital;

 

sms
Envio de SMS em massa;

 

wppmkt
Whatsapp Marketing;

 

gestaoderedessociais
Gestão de Redes Sociais.

 

Alguns dos serviços listados acima basta clicar no nome que você vai direto para nossos posts e receberá mais detalhes sobre o assunto, caso você queira conhecer os serviços que não estão listados CLIQUE AQUI.

Os demais serão divulgados nas próximas semanas aqui no blog.

WhatsApp Marketing na Maratona Digital e muito mais

Nesse fim de semana participamos da Maratona Digital, aqui em Porto Alegre.

Na Maratona apresentamos uma palestra sobre WhatsApp Marketing, falamos sobre nossas inquietações sobre o ambiente mobile, trocamos ideia sobre o papel dos betas/alphas/influenciadores/embaixadores no Whats e também da particularidade dessa ferramenta.

Fora isso, assistimos palestras sobre Monitoramento e data science, email marketing, Facebook, LinkedIn, Instagram, SEO além de muita troca de experiência entre todas as 150 pessoas que dedicaram seu final de semana para turbinar seu conhecimento.

Foi tanta informação e troca, que resolvemos fazer um resumo do que vimos e gostaríamos de compartilhar com todos vocês.

Para quem quiser acessar o material da nossa palestra de WhatsApp clica no urso:

urso link

Sobre WhatsApp

– O Facebook é dono do WhatsApp.
– Os números da semana passada mostram que o WhatsApp cresce rapidamente com uma base de 800 milhões de usuários.
– São 30 bilhões de mensagens sendo trocadas diariamente no Planeta.
– De 2011 pra cá, o valor do WhatsApp cresceu mais de 200 mil por cento.
– Faça uso dos grupos que você tem no WhatsApp ele pode ser um grande propagador de sua mensagem.
– Fale sempre na primeira pessoa.
– O WhatsApp é uma rede privada que quer falar com você e como você.
– Aproxime-se dos embaixadores das marcas e faça deles seus interlocutores.

Números Facebook

Sobre SEO

– Search Engine Optimization é um trabalho a quatro mãos.
Ou seja: agência + cliente trabalham juntos para obter o resultado desejado.

– O Google indexa bem blogs que vem do WordPress.

– 2015 é o ano do tráfego mobile. E a maioria dos sites não está otimizado para versão mobile.

– Conteúdo dá o tom para um SEO de sucesso.

– Inbound marketing é a bola da vez para melhorar o SEO.

– Se você quer resultado rápido, use Google Adwords para te ajudar na campanha.

– Importante priorizar códigos “limpos” na hora de programar o seu site.

Sobre Redes Sociais

– Usar as redes sociais é ter um alto falante para a sua marca.

– Converse com o seu público, dê bom dia, diga obrigada, curta os comentários dos seus seguidores.

– LinkedIn cresce a taxas largas na América Latina e o Brasil está sendo visto com bons olhos pela companhia.

Sobre ecommerce e e-mail mktg
– Para cada 100 visitas temos 1 pedido nas lojas de ecommerce.

– O email mktg é um grande aliado para trazer pedidos para a loja online.

– Cresce a importância de mineração de dados para refinar o mailing.

– Se você tem dúvida de qual peça quer anunciar, faça o teste A/B

– iBeacon é o novo Bluetooth. Procure saber mais sobre esse assunto que é um grande aliado de retais design.

– Lembre de usar textos com até 32 caracteres no “subject/assunto” do email pois muitos dele são abertos no celular.

– Para melhorar taxa de abertura do email mktg, use layouts com 600px de largura.

– Peso ideal para o seu email mktg: 50kb

– Dias e horários para envio: terça a quinta entre 8h e 10h da manhã.

Sobre monitoramento

– Sentimonitor é uma baita ferramenta de monitoramento: conhecemos na Maratona e foi bem interessante dos resultados apresentados.

– 10% das pessoas respondem sobre 80% das decisões de compra na web.

– Insights muito interessantes podem ser vir do dashboard bem analisado de um monitoramento. A partir de menções de seguidores nas redes sociais, você consegue ter uma visão ampla sobre gosto, sentimento e opinião.
A partir daí, pode-se montar um perfil detalhado do público e direcionar seu briefing.

– Instagram tem se mostrado uma rede em alta quando monitorada juntamente com FB, LinkedIn e Google Plus. Instagram dá velocidade.

Sobre vídeos
– O YouTube cresce rapidamente e mais de 50% dos vídeos são assistidos nos dispositivos móveis.

– 65% das pessoas assistem mais de 3/4 do vídeo

– 33% dos usuários de tablets assistem 1 hora de vídeo diariamente no dispositivo

– Sobre tráfego de informação na WEB o vídeo é disparado o maior.

Se quiser saber mais, trocar ideia, fazer um super brainstorm:
Adiciona no WhatsApp 51 9455-9255
Ou liga pra gente: 51 3407-3820